Dia Mundial Do Doador De Sangue

14/06/2014 16:47

Qual a importância da doação de sangue?

    Doar sangue é um ato de amor ao próximo e de cidadania. Dessa forma, é fundamental a conscientização da população brasileira sobre a importância da doação de sangue, através de campanhas educativas. O sangue funciona como um transportador de substâncias de extrema importância para o funcionamento do corpo. Além disso, quase toda a defesa do organismo está concentrada nele. É um tecido de extrema importância para o funcionamento da máquina humana e não pode ser substituído por nenhum outro líquido. Por este motivo a doação é tão importante.

 

 

 

Quem pode doar sangue?
- Homens e mulheres saudáveis, entre 18 e 65 anos;
- Peso acima de 50kg.

O que é necessário para doar sangue?
- Trazer um documento oficial com foto (R.G., carteira profissional, carteira de habilitação ou carteira dos conselhos regionais);
- Ter repousado por no mínimo 6 horas;
- Estar em boas condições de saúde;
- Alimentação pobre em gorduras nas 3 horas antecedentes à doação.

Impedimentos temporários para doação
- Gripe: aguardar 7 dias.
- Gravidez: 90 dias após parto normal e 180 dias após cesariana.
- Amamentação (se o parto ocorreu há menos de 12 meses).
- Ingestão de bebida alcoólica nas 4 horas que antecedem a doação.
- Tatuagem nos últimos 12 meses.
- Situações nas quais há maior risco de adquirir doenças sexualmente transmissíveis, como não usar preservativo com parceiros ocasionais ou desconhecidos: aguardar 12 meses;
- Usuários de drogas.

Impedimentos definitivos para doação
- Hepatite após os 10 anos de idade.
- Evidência clínica ou laboratorial das seguintes doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue: Hepatites B e C, AIDS (vírus HIV), doenças associadas aos vírus HTLV I e II e Doença de Chagas.

Cuidados após a doação
- Ingerir bastante líquido;
- Aguardar pelo menos 15 minutos antes de sair do Serviço de Hemoterapia;
- Não fumar por 2 horas após a doação;
- Não ingerir bebida alcoólica nas primeiras 12 horas;
- Não exercer atividade funcional por pelo menos 24 horas após a doação, se esta atividade apresentar risco para si ou para os outros (ex: piloto de avião e de helicóptero, motorista de ônibus e caminhão, trabalhadores em andaimes, paraquedista e mergulhadores.
- Manter o curativo por 4 horas após a doação;
- Não exercer força no dia da doação (com o braço que foi puncionado);
- Não realizar exercício físico intenso no dia da doação.